Ginecomastia — tratamento da mama masculina

Em termos práticos, a Ginecomastia é a designação que se dá à situação clínica em que há um aumento das glândulas mamárias masculinas, fazendo com que a região do peitoral seja aumentada.

Narula (2007), define a ginecomastia como sendo “a proliferação do tecido glandular mamário no homem, que se estende de forma concêntrica a partir do mamilo”.

As causas são variadas e as mais frequentes são causas hormonais ou uma acumulação exagerada de gordura.

Esta situação pode causar um grande traumatismo psicológico (fator estético), que é bastante comprometedor em jovens adultos e adolescentes, podendo condicionar muitas das atividades usuais e tão simples como o ir à praia ou à piscina, porque o simples ato de se despirem pode revelar umas mamas de aspeto feminino, pode ainda gerar dores e desconforto.

Ginecomastia (literalmente, mamas femininas) é causada por um desenvolvimento excessivo no tecido da região mamária masculina e ocorre, normalmente, nas fases de alterações hormonais no homem (infância/adolescência e velhice) sem nenhuma patologia de base, na maior parte das situações.

A alteração é normalmente causada por uma variedade de mudanças hormonais, sendo a maioria delas reversíveis durante a puberdade.

Ou seja, a ginecomastia é, na maioria dos casos nesta faixa etária, uma condição benigna, tratável e corrigível.

Porém, devem ser consideradas causas orgânicas, especialmente em pacientes de uma faixa etária mais avançada.

Se a condição persistir num adolescente, pode ser efetuado o tratamento cirúrgico conseguindo-se uma redução significativa do volume e forma da mama na maioria dos casos.

Pode ser unilateral, podendo desenvolver-se, após meses ou anos na outra mama ou então ser bilateral.

O mamilo e a aréola raramente apresentam mudanças significativas, embora a hipertrofia dos mamilos e alargamento das aréolas possam ocorrer.

Os sintomas limitam-se à massa palpável e pouca dor (pouca intensidade) à palpação, principalmente nos adolescentes, porém na maioria dos casos, a doença é assintomática.

A incidência aumenta com a progressão da idade, atingindo até cerca dos 30% nos homens idosos.

As diferentes causas de ginecomastia determinam a abordagem terapêutica mais apropriada.

O uso abusivo de bebidas alcoólicas pode predispor ao desenvolvimento da doença.

A causa mais comum é um aumento nos estrógenos, uma diminuição nos andrógenos, ou um deficit nos recetores androgénicos. Ou seja, os fatores hormonais constituem a causa principal desta disfunção.

A classificação da ginecomastia baseada no tipo de abordagem cirúrgica é a melhor. Para o planeamento cirúrgico, normalmente são utilizadas três classificações:

· Grau I: um botão localizado, de tecido glandular que é concentrado ao redor ou por baixo da aréola e que, geralmente, são fáceis de remover; tórax com pouco tecido adiposo e sem excesso de pele.

· Grau II: ginecomastia difusa num tórax com mais tecido adiposo, onde as margens da massa não são bem definidas.

· Grau III: ginecomastia difusa com grande excesso pele.

A técnica cirúrgica depende do tipo de ginecomastia e do seu grau. Todos os casos de Ginecomastia são diferentes.

Explique-nos o seu, numa vinda à Clinica VitaSlim. Esclareça todas as dúvidas com o Dr. Luís Barata Teles.

OUTRAS NOVIDADES

Lipoaspiração  
Cuidados pré-operatórios

A lipoaspiração tem como objetivo retirar o excesso de células adiposas de algumas regiões do corpo.
Com o aprimoramento das técnicas cirúrgicas, dos aparelhos existentes e devido aos resultados eficazes, esta cirurgia estética tornou-se um dos procedimentos muito difundido e realizado em todo o mundo.

Ler mais >>

Ginecomastia
Tratamento da mama masculina

Em termos práticos, a Ginecomastia é a designação que se dá à situação clínica em que há um aumento das glândulas mamárias masculinas, fazendo com que a região do peitoral seja aumentada.

Ler mais >>

Alimentação 
dos seus filhos

Com o início do novo ano escolar, surgem desafios e impõe-se regras e objetivos que os mais novos devem atingir. No entanto, ninguém parou para refletir que a alimentação e alguns hábitos por parte de adultos e crianças podem estar diretamente relacionados com o seu desempenho, nível de concentração e memória.

Ler mais >>

Ventosoterapia 
O que é e para que serve?

A ventosoterapia um dos métodos terapêuticos utilizados na Medicina Tradicional Chinesa (MTC), mediante o qual uma ventosa é colocada por sucção sobre a superfície da pele.
Este método tem como funções principais esquentar e promover a livre circulação da energia do corpo, diminuir a tensão muscular e aliviar a dor. Foi recentemente popularizada pelo atleta olímpico Michael Phelps, que revelou a sua utilização nos últimos Jogos Olímpicos, no Brasil.

Ler mais >>

Lipoaspiração
Cuidados pós-Operatórios

Com o início do novo ano escolar, surgem desafios e impõe-se regras e objetivos que os mais novos devem atingir. No entanto, ninguém parou para refletir que a alimentação e alguns hábitos por parte de adultos e crianças podem estar diretamente relacionados com o seu desempenho, nível de concentração e memória.

Ler mais >>

Já conhece os parceiros da VitaSlim?


Clique nos logotipos e conheça as vantagens únicas dos nossos parceiros.